ALUGUEL DE AÇÕES: Ganhe dinheiro extra na bolsa SEM ESFORÇO! NA PRÁTICA!

posted in: thigas | 0

Clique neste link para fazer parte da minha nova turma do curso de investimentos: http://bit.ly/listaVIP-YT-19

Abra sua conta na Rico: https://lp.rico.com.vc/lp/cadastre-se-primo-rico

PODCAST: http://bit.ly/PrimoCast-des

Existe uma forma MÁGICA de ganhar dinheiro extra, na bolsa de valores, fazendo pouco ou quase nenhum esforço.

imagine que você tenha um imóvel no litoral. Imagine também que você consiga só usar ele nas festas de fim de ano, e que ele fica lá, parado, praticamente o ano inteiro.

Bom, se ele fica parado o ano inteiro, não faz MUITO sentido que você coloque pra alugar, nem que seja por temporadas?

Porque assim você faz com que o imóvel te gere uma renda mensal extra bacana, ao mesmo tempo que você não perde o imóvel – ele continua no seu nome, e você pode usar quando precisar.

Bom, não estamos falando de FIIs, mas dá pra fazer exatamente a mesma coisa com ações na bolsa.

No vídeo de hoje eu vou te explicar o que exatamente é aluguel de ações, e como você pode alugar as suas ações pra que você consiga um rendimento muito bacana no longo prazo.
(vinheta)

– Quando você compra ações pro longo prazo, você compra pensando que só vai mexer depois de um bom tempo nas ações.

– Só que, quando fazemos isso, não pensamos num problema bem óbvio: deixar essas ações paradas lá, de certa forma, também é deixar dinheiro parado.

– Uma alternativa viável pra isso é fazer o aluguel de ações.

– Quando você aluga as suas ações, você está basicamente emprestando as suas ações para investidores que querem negociar esses ativos, e em troca você está recebendo uma taxa por esse empréstimo.

Mas, como que acontece isso? Por que alguém iria querer ações emprestadas de outra pessoa?

Geralmente a contraparte no aluguel são traders.

Vamos a um exemplo pra deixar claro:

Imagine que eu tenha um lote-padrão de Arezzo.

Imagine também que decidi por alugar esse lote-padrão por R$0,10 centavos cada ação, por mês.

Nesse caso, eu ganharia R$10 reais de aluguel por mês.

Na contraparte, imagine que um trader tenha pego emprestado as minhas ações da Arezzo, que no dia em questão valem R$61 por ação no mercado, querendo manter esse aluguel por 3 meses.

Ele acredita que, ao final desses 3 meses, essas ações da Arezzo caírão pra R$57.
Então, o que ele faz: ele pegas as minhas ações emprestadas, e no mesmo dia vende a R$61, ganhando R$6.100.

Ao final de 3 meses, as ações realmente caem pra R$57. Como chegou o final período do aluguel, ele então tem que me devolver as ações que pegou emprestado de mim.

Com isso, ele RECOMPRA as ações da Arezzo por R$57, pagando R$5700, e me devolve.
Se olharmos então a operação como um todo:
– Vendeu à R$6100, recomprou à R$5700, pagou R$30 de aluguel.

Resultado final? Ele auferiu um lucro de R$370 no aluguel, e eu, R$30 de lucro sem fazer NADA.

– E é aqui que tá a magia do negócio: as duas partes podem ganhar, e eu, como já não pretendia mexer nas minhas ações da arezzo, consegui um ganho a mais “não-previsto” e continuo com as minhas ações intactas.

Pontos de atenção:

1) Nem sempre suas ações vão estar alugadas. É como alugar um imóvel, nem sempre vai haver um inquilino.

2) os alugueis possuem data de vencimento. Então, como no exemplo acima, eles podem ter um vencimento que pode durar 3 meses, 2 meses, 10 dias..